Depois do sucesso que marcou o regresso do campeonato do mundo de motocross ao Crossódromo Internacional de Águeda neste ano de 2017, o clube de Águeda e a Youthstream assinaram no passado dia 1 de Outubro, em Matterley Basin, o contrato que irá trazer de novo no próximo ano o campeonato a Portugal.

“Esta continuidade é a confirmação da confiança que o promotor do campeonato depositou em nós neste ano de 2017. Mostrámos que Águeda é mesmo uma das catedrais do motocross mundial e num ano em que o campeonato vai crescer para as 20 provas de calendário temos a confiança dos promotores.” comentou Albano Melo, o responsável máximo do clube que esteve em Inglaterra a acompanhar o MX das Nações juntamente com Jorge e Tiago Silva, dois elementos do clube que trouxe de volta o mundial da Portugal e ainda Manuel Marinheiro, o presidente da Federação de Motociclismo de Portugal.

Albano Melo; Jorge Silva; Manuel Marinheiro e Luigi Zompetti

“As entidades nacionais e locais que estiveram connosco desde o primeiro momento foram igualmente importantes em todo este processo, o mesmo se passando com as empresas e a própria FMP mas não nos podemos esquecer da imensa resposta dos portugueses que encheram o Crossódromo Internacional de Águeda no inicio de Julho e os quais queremos voltar a ver em 2018. Vamos continuar a trabalhar para lhe proporcionar ainda melhores condições para que assistam a um grande espectáculo numa das melhores pista do campeonato.” revelou igualmente o responsável do clube que no próximo fim-de-semana organiza a prova de encerramento do campeonato nacional de enduro.

A data da prova será em breve anunciada depois do calendário ser igualmente ratificado pela Federação Internacional de Motociclismo.

Tiago Silva; Albano Melo; Luigi Zompetti; Giuseppe Luongo; Manuel Marinheiro e Jorge Silva

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here