Dossier 125 cc: 12 pequenas desportivas naked

O segmento das naked desportivas tem vindo a ganhar terreno nestes últimos anos, com modelos de aspecto jovial, desportivo e agressivo, que têm sabido voltar a captar a atenção das camadas mais jovens. Conheça em detalhe as propostas do mercado.

Texto: Domingos Janeiro.

A Kawasaki é a mais recente marca a apostar numa 125 naked desportiva. Este é um segmento onde se tem registado um bom crescimento, com as marcas a disponibilizarem  modelos práticos e simples, mas com grande apelo estético, capazes não só de captar os mais jovens e atrevidos, mas também pelo carácter prático que oferecem aos utilizadores mais maduros, que se socorrem da carta de automóvel para poderem comprar uma naked, com prestações bastante interessantes, sem terem que abdicar da estética bonita e agressiva e ciclística desportiva mas confortável. A Kawasaki, é a última das quatro grandes marcas a chegar ao segmento, mas a oferta estende-se a construtores como a Aprilia e KTM, bem como outras propostas bem mais acessíveis.

 

APRILIA TUONO 125

PVP: 4.339€

A italiana apresenta uma estética bastante colada à super-naked Tuono V4, com o destaque a recair sobre o quadro em alumínio, que abraça o motor de um cilindro, a 4T, refrigerado por líquido. As suspensões estão a cargo de uma forquilha inverti da da frente e um monoamortecedor traseiro com regulação da pré-carga da mola. A travagem conta com um disco de 300 mm na frente, com pinça de montagem radial e quatro êmbolos e atrás, monta um disco de 220 mm com pinça de êmbolo simples. A Tuono 125 cc está preparada para receber o quick shift e o painel de instrumentos é analógico e digital.

• MOTOR: 125 CC
• PESO: N.D.
• DEPÓSITO: 14,5 L
• RODAS: 100/80-17” e 130/70-17”
www.apriliaportugal.pt
• TELF.: 219 609 110

 

HONDA CB 125 R

PVP: 4.390€

Tem arrebatado corações, desde a sua chegada ao mercado, com uma mistura única entre linhas retro e um design moderno e até algo futurista. Um dos pontos forte deste modelo é sem dúvida a qualidade dos acabamentos, com destaque para a óptica dianteira em LED e o completo painel de instrumentos. Quadro tubular em aço, forquilha inverti da de 41 mm na frente e monoamortecedor traseiro.
Discos recortados, com pinça radial e quatro êmbolos na frente e disco traseiro de 220 mm com pinça de duplo êmbolo. As tampas laterais do radiador são em alumínio.

  • MOTOR: 125 CC E 13 CV
  • PESO: 126 KG
  • DEPÓSITO: 10,1 L
  • RODAS: 110/70-17” E 150/60-17”
  • www.honda.pt
  • TELF.: 219 155 300

 

KTM 125 DUKE

PVP: 4.954€

A Duke 125 é um daqueles modelos que dispensa apresentações, pois desde que viu a luz do dia na gama austríaca, assumiu-se como a protagonista deste segmento e um dos modelos responsáveis por captar muitos novos jovens para a família laranja. Uma boa forma de entrar na reconhecida família Duke. Em termos estéticos é das mais bonitas do mercado, painel de instrumentos TFT digital com muita informação disponível, faróis em LED e um disponível motor de 15 cv. No que toca às suspensões, apresenta a mesma configuração que todas as suas rivais, com uma forquilha invertida na frente e um monoamortecedor traseiro.

  • MOTOR: 125 CC E 15 CV
  • PESO: 137 KG
  • DEPÓSITO: 13,4 L
  • RODAS: 110/90-17” E 150/90-17”
  • www.ktm.com/pt
  • TELF.: 218 260 655

 

KEEWAY RKF 125

PVP: 2.690€

Uma marca com muitas provas dadas de fiabilidade, qualidade, baixo custo de aquisição e manutenção. Este é o modelo naked mais desportivo da gama, com uma estética actual e ciclística pensada para oferecer um conjunto ágil tanto na cidade como nas médias deslocações. Forquilha inverti da, monoamortecedor com regulação da pré-carga da mola, disco de 260 mm na frente e 220 mm atrás, com ABS. Protecção de cárter, tampas laterais para o radiador, quadro perimetral em aço, peso em ordem de marcha de 147 kg e depósito de combustível com capacidade para 10 litros.

  • MOTOR: 125 CC E 12,6 CV
  • PESO: 147 KG
  • DEPÓSITO: 10 L
  • RODAS: 100/80-17” E 130/70-17”
  • www.keeway.pt
  • TELF.: 256 000 200

 

SUZUKI GSX-S 125

PVP: 3.999€

É dos modelos mais agressivos do segmento, e desde que foi introduzida no mercado, assumiu-se como um dos principais alvos a abater, por tudo o que o conjunto representa e, naturalmente, pelo posicionamento que consegue ter em relação ao preço. Equipada com painel LCD digital e com ópticas em LED. Motor de um cilindro, a 4T, refrigerado por líquido, com caixa de seis velocidades, altura do assento ao solo muito acessível, com 785 mm e um peso total de 133 kg. O depósito de combustível tem a capacidade para 11 litros de combustível. A travagem, com ABS, está a cargo de dois discos.

  • MOTOR: 125 CC E N.D.
  • PESO: 133 KG
  • DEPÓSITO: 11 L
  • RODAS: 90/80-17” E 130/70-17”
  • www.suzukimoto.pt
  • TELF.: 234 300 760

 

VORTEX NAKED ZII 125

PVP: 2.196€

Na linha das naked desportivas, surge esta Vortex Naked, que se destaca não só pela estética altamente moderna e jovial, com o quadro treliça em destaque. Forquilha invertida na frente e monoamortecedor atrás. Mas para se destacar, apresenta soluções particulares, como por exemplo o painel de instrumentos totalmente digital, com indicação da mudança engrenada e uma útil entrada USB, que permite carregar os dispositi vos móveis. O motor é um monocilindro, a 4T, refrigerado a ar, com 10,6 cv e um binário de 9,2 Nm. O peso do conjunto é de 150 kg e a altura do assento ao solo é de 760 mm.

  • MOTOR: 125 CC E 10,6 CV
  • PESO: 150 KG
  • DEPÓSITO: 15 L
  • RODAS: 110/70-17” E 130/70-17”
  • www.gingabike.pt
  • TELF.: 234 623 967

 

HANWAY FURIOUS 125

PVP: 2.995€

Esteticamente bem conseguida, a Hanway é uma das marcas de recurso que tem vindo a conquistar o mercado pela ousadia dos modelos que apresenta na sua gama. Esta Furious é um bom exemplo de um modelo simples, vocacionado para o público jovem e com um preço contido.Com cuidado nos acabamentos, o painel de instrumentos é totalmente digital, com muita informação, dimensões compactas, forquilha inverti da de 35 mm, monoamortecedor regulável, jantes de 17”, disco de 300 mm na frente e 220 mm atrás e peso de 132 kg em ordem de marcha.

  • MOTOR: 125 CC E 15 CV
  • PESO: 132 KG
  • DEPÓSITO: 13,5 L
  • RODAS: 110/70-17” E 140/70-17”
  • www.hanwaymotos.com
  • TELF.: +34 961 539 330

 

KAWASAKI Z125

PVP: 4.990€

A Kawasaki é a última dos quatro grandes construtores a apresentar uma naked desportiva de 125 cc. Sem dúvida que neste modelo um dos pontos mais fortes é o design, um dos mais desportivos e agressivos agora no mercado, com o foco centrado no público mais jovem, mantendo o estilo japonês Sugomi bem presente, de acordo com a sua linhagem. Acabamentos de elevada qualidade, posição de condução confortável, motor com 15 cv de potência e ciclística à altura. O modelo que faltava para completar a ampla oferta neste que é um dos segmentos mais concorridos do momento.

  • MOTOR: 125 CC E 15 CV
  • PESO: 146 KG
  • DEPÓSITO: 11 L
  • RODAS: 100/80-17” E 130/70-17”
  • www.kawasaki.pt
  • TELF.: 256 600 870

 

 

MEGELLI NAKED 125S

PVP: 2.855€

Estilo simples, faz destacar o seu quadro de treliça em tubos de aço. As linhas são jovens e actuais, com o silenciador a sair na traseira, por baixo do assento. O assento é amplo e confortável, com desenho desportivo, o motor é de um cilindro, a 4T, refrigerado por ar e com 11 cv de potência. Postura de condução natural e descontraída, o reduzido peso de 119 kg, aliado à reduzida distância do assento ao solo (800 mm) tornam a Megelli numa moto muito fácil de usar, principalmente nas grandes cidades. O depósito com capacidade para 11 litros é sinónimo de uma boa autonomia.

  • MOTOR: 125 CC E 10,7 CV
  • PESO: 150 KG
  • DEPÓSITO: N.D.
  • RODAS: 100/80-17” E 130/70-17”
  • www.lusomotos.com
  • TELF.: 231 510 860

 

KSR MOTO GRS 125

PVP: 2.770€

A KSR Moto conta também já com alguns anos no acti vo no nosso mercado e é uma das “dores” de cabeça aos grandes construtores neste segmento, pois é um dos modelos mais vistos a circular nas grandes cidades. Os argumentos voltam a ser um design moderno, jovem e agressivo, preço baixo, ciclísti ca muito equilibrada e essencialmente pensada para ser ágil nos grandes centros urbanos.
O quadro em treliça de aço assume um papel preponderante não só ao nível visual, como também na qualidade do conjunto que se sente robusto e muito ágil. O motor apresenta uma potência de 10,7 cv.

  • MOTOR: 125 CC E 10,7 CV
  • PESO: 150 KG
  • DEPÓSITO: N.D.
  • RODAS: 100/80-17” E 130/70-17”
  • www.ksr-moto.com/pt
  • TELF.: 231 410 950

 

UM XTREET 125

PVP: 2.190€

É o modelo mais desportivo desta marca recente no nosso país, e cuja aposta assenta, em exclusivo, nos motores oitavo-de-litro. Como é típico neste segmento, o quadro de treliça em tubos de aço assume protagonismo, até mesmo pela cor vermelha, que joga com as jantes, à mesma cor. Este modelo destaca-se pela qualidade e cuidado aplicado nos acabamentos como é o caso dos discos recortados ou a protecção do cárter. No que diz respeito às suspensões, a da frente é invertida e na traseira em vez de um, encontramos dois amortecedores com regulação da pré-carga.

  • MOTOR: 125 CC E 9,7 CV
  • PESO: 131 KG
  • DEPÓSITO: 14,5 L
  • RODAS: 2.75-17” E 120/80-17”
  • www.umiberica.com
  • TELF.: +34 911 018 022

 

YAMAHA MT-125

PVP: 4.995€

Indiscutivelmente uma das referências do segmento, com um design cem por cento centrado nos mais jovens e o modelo de entrada na gama Hyper-Naked. Quadro Deltabox, grande cuidado nos acabamentos e equipamento de última geração. Painel de instrumentos digital, com toda a informação necessária. Posição de condução natural e descontraída, com guiador largo para maior conforto e controlo. Motor de um cilindro, a 4T, refrigerado por líquido, assento desportivo e individual para ambos os ocupantes.
Forquilha invertida na frente, monoamortecedor traseiro e travões de disco com ABS.

  • MOTOR: 125 CC E 15 CV
  • PESO: 140 KG
  • DEPÓSITO: 11,5 L
  • RODAS: 100/80-17” E 130/70-17”
  • www.yamaha-motor.eu/pt
  • TELF.: 214 722 100