Nova MT-125 2020 chega em Dezembro

A nova MT-125 2020 chega em Dezembro com créditos renovados para se afirmar como uma das oitavo de litro mais apetecíveis do mercado.

Nova MT-125 2020 chega em Dezembro

A nova MT-125 2020 aqui está! Desde a aparição da sigla que esta é uma das gamas mais bem-sucedidas de sempre produzidas pela Yamaha. Ou seja, é um modelo que conta com quase 250 mil unidades vendidas só na Europa. O segmento Hyper Naked actual da marca nipónica inclui modelos entre 125 cc e 1000 cc. E a Yamaha não descura a sua constante evolução, através de novos estilos, sistemas electrónicos e demais tecnologias.

Depois de mostrar ao mundo a nova geração da MT-03, eis que agora é a vez de conhecermos a mais pequena das irmãs MT. Equipada com um novo motor e com um novo design, a MT-125 é a derradeira introdução à classe de 125 cc. O quadro desportivo e a sua performance global também a tornam na moto ideal para uma utilização diária.

Novo motor 125 com VVA

Esta geração dada hoje a conhecer está equipada com um motor novo. Uma das suas principais caraterísticas é o sistema de atuação variável das válvulas (VVA) derivado da YZF-R125. Ou seja, é um sistema que incorpora dois perfis na cames de admissão, cada um com um martelo próprio. A cames de “baixas” funciona até às 7400 rpm. Enquanto isso, o seu perfil e distribuição foram concebidos para disponibilizar uma gama de binário ampla e suave. Todavia mantendo uma performance forte a velocidades de rotação do motor baixas a médias.

Acima das 7400 rpm, um compacto solenoide altera o funcionamento da cames de “baixas” para a de “altas”, e o seu perfil mais elevado e a abertura melhorada das válvulas proporcionam uma grande potência que oferece um desempenho superior desde as 7400 rpm até à potência máxima de 10 000 rpm, mais 1000 rpm do que o modelo anterior.

Além do limite de rotação superior, o novo motor com VVA também incorpora uma transmissão modificada para uma aceleração mais aguerrida e ao mesmo tempo económica.

A nova embraiagem assistida e deslizante (A&S) da MT-125 é uma melhoria significativa para 2020 e reduz o nível de esforço físico do utilizador. Inegavelmente tornando esta Hyper Naked mais confortável em situações de condução urbana no pára/arranca. A embraiagem A&S permite ainda reduções rápidas e suaves, ajudando a manter a estabilidade do chassis, e proporciona um controlo melhorado na redução de velocidades.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Novo design

Os modelos Hyper Naked da Yamaha são imediatamente reconhecíveis pelo design com concentração do peso à frente. Ou seja, com os principais componentes localizados o mais próximo possível do motor. A nova MT-125 inclui um depósito de combustível mais pequeno de 10 litros e uma secção traseira muito mais curta. Juntamente com o novo conjunto de faróis contribuem para uma silhueta ultracompacta da moto.

Conta com um painel de instrumentos LCD em negativo e na frente deste com duas luzes de presença tipo olhos. Mostra assim um design detalhado e bem conseguido, que projeta um olhar de predadora. Por baixo das duas luzes de presença, encontra-se um farol LED compacto com um feixe potente.

Nova geração

Além dos principais predicados da nova MT-125, esta conta ainda com outras novidades. Por exemplo, uma suspensão dianteira invertida de 41 mm. Junto ao eixo da frente conta com uma potente pinça de travão dianteira de montagem radial e disco de 292 mm. O quadro é um novo Deltabox onde se acopla um braço oscilante em alumínio.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A nova MT-125 2020 chega em Dezembro e estará disponível nas cores Ice Fluo, Icon Blue e Midnight Black.

 

Outros artigos:

Yamaha surpreende com nova MT-03 

Yamaha MX PRO TOUR 2019 vai até Rio Maior