Sete pilotos lusos evoluíram no Portugal MXGP 2022

Sete pilotos lusos procuraram evoluir no Portugal MXGP 2022, a prova mundialista realizada no passado fim-de-semana em Águeda.

A força lusa esteve representa por sete pilotos lusos que procuraram evoluir no Portugal MXGP 2022, prova do Mundial de Motocross que se realizou no passado fim‑de‑semana em Águeda.

Os ‘nossos’ estiveram no ‘paddock’ e nas grelhas de partida das qualificações para aquela que foi a quarta prova do campeonato do mundo de MX. Os campeões nacionais, Luis Outeiro e André Sérgio foram os defensores das cores nacionais nas classes mundialistas de MXGP e MX2, enquanto que os restantes cinco representantes lusos: Rúben Ferreira, Rúben Ribeiro, Fábio Costa, Afonso Gomes e Alex Almeida estiveram na competitiva e preenchida EMX250, classe com ‘selo’ europeu.

De todos, Rúben Ferreira foi o mais azarado ao ter de abandonar de forma prematura devido a uma lesão, sendo que na corrida de qualificação Fábio Costa foi o melhor dos lusos ao fechar a contenda na 35ª posição, assegurando a presença nas duas mangas finais ao lado de Afonso Gomes que foi o 39º classificado.

Ao terminarem na 42ª e 43ª posições, Alex Almeida e Rúben Ribeiro não conseguiram atingir a almejada qualificação.

Leia também: Jorge Prado dominou o Portugal MXGP 2022

Nas duas classes mundialistas, garantiram a qualificação Luis Outeiro, ao terminar na 21ª posição, e André Sérgio ao ser o 23º nas MX2.

Com duas corridas realizadas no Domingo, emolduradas por uma bem composta massa popular, Fábio Costa foi 24º classificado na primeira manga do Europeu e Afonso Gomes o 32º na segunda corrida da categoria. Costa fechou na 23ª posição e Gomes foi o 34º.

Fábio Costa terminou na 24ª posição da classificação global – somadas as duas mangas – e Afonso Gomes foi o 35º pelas mesmas contas.

Na classe maior, Luis Outeiro foi o 25º classificado, depois do somatório de ambas as mangas, após de ter sido 21º na corrida inaugural e 23º na segunda manga

No pelotão das MX2, André Sérgio foi o 22º na primeira manga, e 21º na segunda, resultados que lhe permitiram o fecho deste Portugal MXGP 2022 na 22ª posição.

Fonte: FMP

Outros artigos:

Lynn Valk venceu nas Senhoras em Águeda

Portugal MXGP 2022 – Sete lusos em destaque no Crossódromo de Águeda

Obras já em curso para receber o Portugal MXGP 2022